domingo, 22 de maio de 2011

TRANSPARÊNCIA EM CONCURSOS PÚBLICOS

TRANSPARÊNCIA EM CONCURSOS PÚBLICOS


Com tantas irregularidades ocorrendo país afora em diversos concursos públicos em todos os estados, muitos candidatos me perguntaram o que se pode fazer para minimizar tantas fraudes e tantos absurdos.
Obviamente, essa não é uma pergunta fácil de responder, mas tudo parte da análise do Edital, pois nele são definidas as regras de todo o processo seletivo.

Procure seguir as 5 dicas abaixo, exija seu direito, caso contrário, você só estará jogando dinheiro fora e desperdiçando seu precioso tempo.

1 – EMPRESA ORGANIZADORA
Verifique qual empresa é a responsável pela organização e execução do concurso, faça uma pesquisa, verifique se a empresa está ou foi envolvida em algum processo de fraude ou irregularidade.

2 - CLAREZA NAS INFORMAÇÕES
As informações devem ser claras e objetivas, quando o Edital do Concurso estiver duvidoso, o candidato pode solicitar a retificação do edital, inclusive sob pena de impugnação.

3 – ANALISEM O CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E ASTRIBUIÇÕES DE FUNÇÃO
Um erro bastante comum e de fácil correção, mas pouco candidato sabe que, quando ocorrer retificação em um desses itens, faculta ao candidato o direito de cancelar a sua inscrição com ressarcimento integral do valor pago e ainda a prorrogação do prazo da inscrição por igual período, essa prorrogação visa garantir ao candidato o tempo necessário para o estudo e preparação para as provas.

4- PRAZOS RECURSAIS E “PRAZOS TÉCNICOS”
Diferentemente dos prazos legais, esses prazos são fundamentais para o bom andamento de um processo seletivo.
Desconfiem sempre dos concursos “the flash”, isto é, concursos rápidos demais, pois para cada fase do concurso é garantido ao candidato o direito de recurso, que vão desde a fase de inscrição até o resultado final.
A falta de prazo recursal para as fases ocorrem com muita freqüência principalmente nos concursos municipais, onde na sua maioria a desculpa está na ponta da língua: “temos que cumprir a TAC e o MP está pressionando”, ora, uma empresa organizadora séria jamais irá descumprir os “prazos técnicos” necessários, pois sem eles, não há como garantir um processo seguro, isto não é opinião, mas sim uma regra. Além disso, não estipulando os prazos recursais em cada fase, estará sendo desrespeitado o direito liquido e certo dos candidatos, desta forma, minimiza-se também os processos judiciais, tendo as questões recursais sendo resolvidas de forma administrativa, prova disso é o grande número de processos judiciais referente à falta de recursos nos concursos públicos.

5 – SEGURANÇA E TRANSPARÊNCIA
Segurança: Descrição da equipe técnica, forma de acondicionamento das provas, quantidade de candidatos por sala, quantidade de fiscais por sala, se os seus dados serão armazenados em sistema de internet com certificação de segurança, dentre outros.
Transparência: Um dos fatores mais importantes na hora de se inscrever em um concurso público, destaco um como o mais importante: a disponibilidade da folha de respostas ao candidato, logo após a realização da prova objetiva.
Jamais se inscreva em um concurso público que NÃO DISPONIBILIZE sua folha de respostas, pois ela é a sua única garantia na hora de questionar sua pontuação, caso já esteja inscrito em algum, EXIGA-A, logo após a realização da prova objetiva.

DESCONFIE E DENUNCIE: NÃO APRESENTAR A FOLHA DE RESPOSTAS É NÃO ESTAR DE ACORDO COM A TRANSPARÊNCIA PÚBLICA

Não sejam submissos as empresas que não cumprem estas regras, só assim iremos minimizar as fraudes e irregularidades que acontecem nos concursos públicos realizados em nosso país.

Marcos Amancio
Consultor e Auditor em Concursos Públicos

Um comentário:

  1. Fiz concurso pro tce -rj em 2012 e fiquei em 28 no geral na especialidade engenharia civil , tiveram 3 pessoas classificadas na minha frente q foram convocadas e q não quiseram tomar posse , e pediram reclassificação ,e foram reclassificadas na frente dos excedentes do cadastro de reserva, já foram chamados 27 da primeira classificação e eu seria o primeiro do cadastro a ser chamado se não fossem esse 3 q pediram reclassificação , queria saber se alguém sabe em que se baseou essa reclassificação ou se já acnteceu isso em algum concurso antes

    ResponderExcluir